Semeando Esperança


10/01/2012 – Dois leprosos
10/01/2012, 5:41 pm
Filed under: Semanal

Diversos milagres são relatados na Bíblia. Dentre eles, vemos muitas curas. E dentre as curas, vemos vários casos de pessoas sendo curadas de lepra. Em um dos relatos, 10 são curados de uma só vez (Lucas 17:12-19). Podemos tirar diversas lições dos exemplos que são citados – exemplos de gratidão, de fé, de perseverança e de coragem. Para esta reflexão, destaquei o relato de dois leprosos e o que podemos aprender de como Deus age.

O primeiro era anônimo, conforme relatado em Marcos 1:40-45. Apresentou-se perante Jesus e se humilhou e disse: “Se quiseres, podes me curar”. Jesus estendeu a mão, o tocou e disse: “Quero, sê limpo.” O segundo era Naamã. Homem de autoridade, um dos líderes do maior exército da época. Tinha prestígio, autoridade e uma imagem a manter. Vemos que em II Reis 5, que quando ele chegou à porta do profeta, esperava o tratamento devido a uma pessoa do seu status. O profeta não o atendeu pessoalmente e o ordenou que mergulhasse no rio Jordão sete vezes. Depois de relutar por um momento, despiu-se e mergulhou no rio. Após o sétimo mergulho, ele foi curado e, como está escrito, “ficou com a pele como se fosse de uma criança”.

Destes exemplos, podemos destacar 4 características da ação de Deus em nossas vidas:

1) A ação de Deus independe da pessoa

Como vemos nos exemplos destacados, a ação de Deus abrange tanto os grandes quanto os pequenos. Seja um homem que não tinha importância alguma para a sociedade, como o que consta nos altos patamares da sociedade. Jesus se assentava entre os mestres da lei (Lucas 2:46), caminhava com pescadores, jantava com cobradores de impostos (Lucas 19:5) e ouvia petições de bandidos (lucas 23:42). Deus enxerga os nossos corações, portanto não acredite quando alguém te disser que Deus não age na sua vida porque você está de calça jeans ou tem cabelo tingido. A ação dEle é como a Sua palavra, conforme descrito em Hebreus 4:12 – “entra até a divisão de alma e espírito, e de juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração”.

2) A ação de Deus não busca recompensa

Nos dois casos, vemos que os instrumentos usados por Deus para agir não buscam recompensas para si. Elizeu recusou as recompensas oferecidas por Naamã e Jesus não pediu nada em troca pela cura que realizou. Há algo que deve ficar claro para nós – Deus não depende de nós, Ele nem sequer precisa de nós. Mas pela misericórdia e amor que Ele tem por nós, Ele opta por nos ouvir, nos ajudar e nos inserir no plano dEle. Quando Deus usa um de nós para fazer algo por alguma pessoa, seja orar, ouvir, dar um prato de comida ou uma palavra de alento, não devemos buscar recompensa pois não estamos fazendo nada de nós mesmos, mas sim de Deus. A recompensa e a glória é toda dEle, portanto não caia no conto do vigário dos mercadores de bençãos que tem surgido no mundo, nem no papo furado dos que ficam pedindo contribuição para aqueles que impactou. A ação de Deus é completa, íntegra, não gera dúvidas e não exige recompensa, pois tudo já é dEle (Salmo 24:1).

3) A ação de Deus independe da nossa reação

Ao chegar na presença de Jesus, a reação do leproso foi se humilhar, se jogar no chão e rogar pelo favor do mestre. Naamã chegou com toda pompa do exército, com suas roupas de guerra e postura áustera e firme. Qual a postura que temos adotado quando nos aproximamos de Deus? Será que temos reconhecido nossa fraqueza e pedido ajuda como fez o primeiro leproso, ou temos assumido uma postura de orgulho sem deixar transparecer nosso sofrimento? Estamos nos expondo para alcançarmos misericórdia ou nos escondendo atrás da máscara da altivez? Vemos que independente da postura, ambos foram curados pois se dispuseram a agir naquilo que foram ordenados. Mas há um detalhe que é crucial na história entre os dois: enquanto Naamã sequer viu o profeta antes de ser curado, aquele que se humilhou foi tocado por Jesus. Isto é o que diferencia entre aqueles que buscam algo para si e aqueles que buscam a Deus – mesmo que ambos recebam, apenas os que O buscam são tocados.

4) A ação de Deus nos surpreende

Tenho certeza que não temos como criar um padrão para ação de Deus. Creio que Ele não permita que isso aconteça para que não tentemos criar receitas e procedimentos. Infelizmente, muitas igrejas e líderes religiosos tentam criar uma forma de “acionar” a Deus com seus sacrifícios de tolo, com votos sem profundidade, com ofertas desmedidas ou propósitos descabidos.

Analisando os dois casos que estamos estudando, de um lado temos um general leproso que escondia a sua condição debaixo da sua postura e da suas roupas. Para que ele fosse curado, ele teve que abrir mão daquilo que o mantinha seguro, do seu orgulho. Ao tirar a roupa, ele mostrou para todos que não passava de um homem doente. Ele precisou ser curado do orgulho para que depois fosse curado fisicamente. Para o Naamã, a supresa foi na cura completa e não apenas de seu corpo.
Do outro lado, temos um leproso que vivia às margens da cidade, segundo a lei de Israel, ele não podia caminhar entre as pessoas e tinha que ficar isolado. Talvez estivesse por diversos anos sem se aproximar de uma pessoa sadia. Ao se apresentar perante Jesus, ele baixa a sua cabeça e reconhece que a cura dele só depende da vontade de Jesus. Mas Ele não ia curar apenas o corpo daquele homem. Há um detalhe em Lucas 1:41 que muitas vezes passa desapercebido – relata que Jesus estendeu a mão e tocou no leproso. Ninguém ousava tocar no leproso, mas Jesus ao fazer isto, curou o coração de uma pessoa que se julgava menos que humana. Para o leproso anônimo, a surpresa veio no toque de Jesus que restaurou o seu coração e esperança. A ação de Deus vai além do que podemos ver, ouvir e perceber (I Corintios 2:9).


Leave a Comment so far
Leave a comment



Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s



%d bloggers like this: