Semeando Esperança


21/09/2010 – Postura social e um governo sob Deus
21/09/2010, 11:04 pm
Filed under: Semanal

Em Daniel 3, vemos relatada a história de Sadraque, Mesaque e Abdnego, sábios jovens israelitas que estavam na corte do rei da Babilônia que na época dominava sobre Israel. Ao recusarem se prostar perante um ídolo de ouro, foram condenados a serem queimados vivos. Nos versículos 17 e 18 está a resposta deles ao rei, quando foram questionados sobre este Deus a quem serviam: “O Deus a quem servimos é poderoso para nos livrar do fogo. Mas mesmo que ele não nos livre, não nos prostaremos perante outro deus.”
Eles não sabiam se Deus agiria ou não em favor deles, mas mesmo assim eles não mudaram o seu modo de agir, assumiram a responsabilidade e continuaram firmes em seu posicionamento. Como resultado deste compromisso, Deus honrou a postura deles e os livrou da morte.

Estes três jovens são exemplos que como devemos nos portar. O cristão não se esquiva de responsabilidades e posicionamento na sociedade – mesmo quando o governo, como era então, seja contrário a Deus. Em época de eleição, como bons brasileiros, vejo que muitos alegam que “é tudo a mesma coisa” e que “não adianta votar que não vai mudar”. Isto não é postura de alguém que tem fé em Cristo – a palavra nos diz que temos que orar pela autoridades (I Timóteo 2:1-2), respeitar as leis (I Pedro 2:13), que Deus muda o coração dos líderes (Provérbios 21:1), que Ele estabelece os líderes e também os tira do poder (Daniel 2:21). Deus sempre se importou com as autoridades e, no passar da história, vemos que muitos dos profetas e homens de Deus tiveram conexões diretas com os líderes das suas épocas – Esdras, Neemias, Daniel, Isaías e outros.

Apesar de os tempos terem mudado, Deus não mudou, pois nEle não há sombra de variação (Tiago 1:17). Culturalmente, no Brasil temos a postura de criticar política sem saber e vivermos à margem do que realmente acontece. Não nos informamos, não cobramos e não fazemos valer o nosso direito e papel na eleição dos nossos governantes. Em alguns dias teremos uma das eleições mais importantes da história do nosso país – há projetos de leis que vão diretamente contra a liberdade de culto e a igreja dentro da nação. Enquanto assumirmos uma postura derrotista e nos resignarmos de qualquer ação, estamos entregando o governo do nosso país na mão de pessoas que buscam as suas próprias agendas, ignorando os direitos garantidos pela constituição de liberdade de culto e fé.

Como cristãos e como cidadãos, não temos o direito de nos omitir nessa hora. Além de votar com consciência, analisando a origem, os valores, as propostas e diretrizes do candidato, como cabe a todo cidadão brasileiro, os cristãos devem também orar e apresentar a Deus a situação atual. Lembrando o que está escrito em II Cronicas 7:14, que diz que se o povo de Deus orar e buscar a face dEle, deixando os maus caminhos, Ele ouvirá, nos perdoará e sarará o nosso pais. Não adianta ficar reclamando e se indignando, já que temos o que fazer. Busquemos ao Senhor enquanto se pode achá-Lo (Isaías 55:6), já que “agora estarão abertos os olhos de Deus e atentos os ouvidos à oração deste lugar.” (II Crônicas 7:15). Se votarmos corretamente e apresentarmos o governo a Deus, Ele sarará a nossa terra.


Leave a Comment so far
Leave a comment



Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s



%d bloggers like this: